16/10/2018

WORKSHOP | RECEITAS SAUDÁVEIS PARA TODA A FAMÍLIA


No próximo dia 17 de novembro, sábado, das 18h às 21h, vou dar um workshop juntamente com a nutricionista Catarina Trindade de receitas saudáveis para toda a família.

Este é o workshop ideal para todos aqueles que privilegiam uma boa alimentação e não têm muito tempo, para quem precisa de novas ideias, para os que querem esclarecer dúvidas sobre nutrição, para quem pretende planificar ementas semanais e, consequentemente, alimentar-se melhor.

O valor do workshop inclui o jantar (menu completo), uma emental semanal para levarem para casa e se inspirarem na hora de ir às compras e cozinhar - e outras surpresas!

Além do mais, se ainda não conhecem o espaço Todos P'ra Mesa (Rua de Costa Cabral, 262, Porto), que acaba de inaugurar e é lindo, têm aqui uma excelente oportunidade.

As inscrições devem ser feitas através do e-mail todospramesa@gmail.com
Os lugares são limitados.

Para nós, será um gosto passar este final de dia convosco!
Vemo-nos por lá? :)

01/10/2018

Vamos falar sobre o óleo de coco? | O Espaço da Nutricionista


Não sendo um tema que adore, há muitas pessoas com dúvidas sobre o óleo de coco, pelo que me parece interessante partilhar convosco a minha opinião sobre este assunto - mais ou menos - polémico.



Em primeiro lugar, é importante referir que as gorduras são um macronutriente tão importante como os outros e que o nosso organismo precisa delas para desempenhar algumas funções, como é o caso do bom funcionamento cerebral e a manutenção da temperatura corporal. No entanto, não precisamos de grandes quantidades.

Quanto às gorduras ou lípidos, existem três tipos. Os saturados, polinsaturados e monoinsaturados, variando o nome de acordo com a estrutura dos ácidos gordos que os compõem. Assim, devemos evitar a ingestão de gorduras saturadas e de gorduras trans, sendo que estas últimas são gorduras muito processadas. Mas esta parte, vamos deixar para outra conversa.

O óleo de coco é constituído por cerca de 80% de gordura saturada, o que faz com que resista a temperaturas mais altas mas também que esteja muito associado ao aumento de colesterol. Sendo uma gordura é, por excelência, um alimento calórico e que não deve ser consumido em grandes quantidades. Posto isto, tendo em conta as suas propriedades, também não há evidência para dizer que seja um alimento que ajude a emagrecer - como algumas teses defendem - e além disso, não apresenta nenhuma mais valia em detrimento do azeite. 


Se querem a minha opinião sincera, o óleo de coco é muito bom para hidratar a pele e o cabelo, mas para a alimentação devemos preferir o azeite, constituído por 75% de gordura monoinsaturada, saudável para o coração. Sempre, claro, moderando as doses. 
Equilíbrio é a palavra de ordem para todos os alimentos.


Catarina Trindade
Nutricionista | Todos P'ra Mesa

24/09/2018

Quatro livros de culinária que não podem perder



Para onde quer que me volte tenho sempre livros à minha volta. Em casa, no trabalho, no caminho entre um e outro, nas férias. À minha secretária chegam quase todas novidades literárias que dão à estampa. Romance, thriller, poesia, auto-ajuda, bem-estar, gastronomia, infanto-juvenil.

Ultimamente, tenho perdido ganhado muito mais tempo a ler romance e poesia, mas continuo a estar muito atenta a tudo o que envolve a gastronomia e bem-estar. E à estante sobrelotada lá de casa continuam a chegar páginas e páginas de receitas deliciosas.

Agora em Setembro, a propósito da rentrée, estão a sair do forno alguns títulos interessantes, mas, até à data, e num universo cada vez maior, há pelo menos quatro livros, publicados este ano, que deveriam mesmo conhecer:



Este livro saído do blogue Cocoon Cooks é um dos meus preferidos deste ano. São mais de 80 receitas 100% vegan do André e da Rita, os autores do blogue.
Não sigo uma alimentação vegan - aliás, ser vegan não é um regime alimentar, é um estilo de vida -, mas gosto muito de folhear estas páginas para me inspirar, para replicar ideias, para mudar.



Gabriela Oliveira tem um novo livro de receitas vegetarianas, saudáveis e apetitosas, adaptando as receitas da cozinha típica portuguesa a alternativas sem produtos de origem animal. 
Para quem conhece os livros anteriores, o estilo mantêm-se. Parece-me um bom guia para quem pretende iniciar-se no mundo vegetariano, mas não tem muita criatividade na hora de preparar as refeições.




Se Gordon Ramsay apresenta um livro que diz «As minhas melhores receitas» não há muito mais para dizer além disso. 
Posso, talvez, acrescentar que aqui, ao contrário das sugestões anteriores, não se contam calorias, nem deve haver peso na consciência. Os bolos podem ter tranquilamente 300 gramas de manteiga e 400 de açúcar. Um exemplo? Bolo de caramelo com banana caramelizada. Deve ser do outro mundo. Eu sou fã.




Entretanto, Jamie Oliver está de volta, desta vez com um livro inteiramente dedicado à cozinha italiana. Das bases de pizza aos molhos, dos gnocchis às lasanhas, passando pelo saltimbocca, há de tudo. É uma obra extensa, um trabalho de anos e com fotografias belíssimas. 
Pessoalmente, que já o vi, não é dos meus preferidos (há muitos ingredientes que não se encontram cá), mas já fiz o bolo de chocolate com grão de bico e é delicioso. Próxima aventura: gnocchis caseiros.
O livro ainda só está disponível no idioma original, mas a versão portuguesa deve chegar, como habitualmente, em novembro/dezembro.


Boas receitas!
© SWEET BIGAS. All rights reserved.