20/01/2016

Caril rápido de frango


Ontem, o meu pai fez anos. *
57 de uma vida cheia, ele que até tem várias como os gatos. Já nos pregou um susto valente, daqueles em que se caminha sob uma fina corda e o pé cede. Todos os dias nos lembramos disso e nos de festa mais ainda. Já ele prefere recordar-se só quando lhe convém. No fundo, era assim que todos devíamos ser.

O meu pai é uma pessoa muito jovem e é um exemplo do ser em vez do ter. Lá em casa, quando havia dinheiro, apareciam as revistas com os destinos de férias. Concluir a lavandaria (eternamente inacabada) ou pôr uma estante mais robusta para aguentar o peso dos livros no escritório ficava sempre para depois. Quando chegava o subsídio, íamos os quatro estrada fora, a cantar e a dar nomes às matrículas. Foi assim que conheci Espanha de norte a sul, os Pirinéus e Paris pela primeira vez.
Depois veio o avião. A lavandaria continuou com o básico e o escritório, cada vez com mais livros, a ameaçar uma derrocada. Não caíram até hoje. De qualquer forma, eu tenho a certeza que o meu pai descobre mais depressa o site da companhia aérea do que o número do carpinteiro. 

Oxalá que aqueles olhos azuis tenham tempo para conhecer o mundo todo.









* Eu fiz-lhe caril e ele disse que eu devia publicar a receita. Aqui está:

INGREDIENTES
[para 4 a 5 pessoas]

1 cebola
2 dentes de alho sem gérmen
Azeite q.b.
1 colher de café de pimenta preta em grão
1 colher de café de sementes de mostarda
1 colher de sopa de caril Ras El Hanout
1 colher de chá de gengibre fresco ralado
1 malagueta pequena desidratada
4 peitos de frango, cortados em cubos
1 lata de leite de côco light
1 maçã granny smith ralada
Sal q.b.
1 molho de coentros frescos picados grosseiramente
Gambas cozidas q.b., para servir

PREPARAÇÃO

  1. Picamos a cebola e o alho finamente e refogamos num fio generoso de azeite. 
  2. Acrescentamos as sementes de pimenta e mostarda, o caril, o gengibre ralado e a malagueta e deixamos refogar, em lume brando, um pouco mais (cerca de 5 minutos). Este passo vai despertar o sabor das especiarias e tornar o caril mais intenso.
  3. Juntamos o frango, limpo de qualquer gordura e cortado em cubos, e envolvemos bem. 
  4. Por último, adicionamos o leite de côco e a maçã ralada grosseiramente, rectificamos os temperos e cozinhamos, em lume brando, por 20 minutos.
  5. Antes de servir polvilhamos com coentros e gambas previamente cozidas.

O Sweet Bigas também está no




5 comentários

  1. as tuas palavras fizeram-me sorrir e sentir o carinho que tens por ele. adoro caril! Mas é sempre uma receita que, para mim, é sempre dificil de acertar .. vou guardar a tua e experimentar!

    obrigada Ana!


    beijinho, Joana
    www.weareloveaddicts.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então deves mesmo guardar esta, Joana :) Fica pronta em menos de nada e deixa um aroma delicioso na cozinha.
      Depois conta como correu. ✨😋

      Eliminar
  2. Fiz hoje o teu caril dedicado a uma pessoa muito querida da minha vida. Foi um sucesso! Obrigada :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Catarina
      É muito bom saber isso, obrigada por escolheres uma receita nossa. :)

      Eliminar

© SWEET BIGAS. All rights reserved.