02/05/2015

Panquecas de banana, côco e mirtilos

Inauguramos o blogue com uma receita para o pequeno-almoço. É a nossa refeição favorita, não podia ser de outra forma.

Em Kafka à Beira-mar, Oshima, uma das personagens deste livro de Haruki Murakami, dizia que "a perfeição só pode ser atingida após uma série de imperfeições". A conversa passa-se durante uma viagem de carro e a propósito de uma sonata, mas lembrei-me dessa frase enquanto fazia estas panquecas.

Testei a receita pelo menos três vezes, e de todas as vezes substituí ingredientes ou alterei as quantidades. Primeiro com leite magro, depois com bebida de côco; uma vez sem mirtilos, outra com; à terceira só acrescentei fermento. Ficam mais bonitas. Ao contrário do que sugere o escritor japonês, em nenhuma das vezes ficaram imperfeitas – só menos perfeitas. Mas eu sabia que podia melhorar. E a verdade é que se não tivesse feito todas aquelas experiências nunca chegaria a este resultado. Cozinhar, para mim, também é isto.









INGREDIENTES
[4 panquecas altas e fofas]

90 g de farinha branca fina
30 g de farinha integral
150 ml de bebida de côco (uso Alpro)
1 banana pequena, madura, esmagada
Meio copo de iogurte de aroma de côco
1 ovo
1 colher de café de fermento em pó (uso Royal)
1 pitada de sal
Mirtilos q.b.

PREPARAÇÃO
  1. Pela ordem indicada, juntamos todos os ingredientes numa taça, excepto os mirtilos, e mexemos com uma vara de arames.
  2. Acrescentamos os mirtilos e envolvemos com cuidado.
  3. Numa frigideira anti-aderente e sem gordura, deitamos uma concha de massa de cada vez. Assim que fizer pequenas bolhas, viramos a panqueca e douramos do outro lado. Repetimos o processo até terminar a massa. 

[O Sweet Bigas também está no Facebook e no Instagram (@anachaves)]

8 comentários

  1. E que aspecto maravilhoso! Ando a testar uma receita parecida e já vou para a terceira tentativa, mas ainda não andam perto do ponto. Algo me diz que vou passar a visitar este blogue mais vezes. Excelente início! :)
    Um beijinho, muito sucesso.

    Catarina França // La Dolce Vita

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Catarina
      Então tens que experimentar esta receita. Se pesares bem os ingredientes, não há como não ficarem "no ponto".

      Beijinhos e muito obrigada

      Eliminar
  2. Que panquecas deliciosas.
    Esta receita tambem dá para adaptar à Bimby?
    Vou fazer este fim de semana.
    Muito obrigada pela partilha e muito sucesso
    Beijinhos
    Regina

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Regi.
      Pode fazer na Bimby, sim. Põe todos os ingredientes por ordem dentro do copo, excepto os mirtilos, e programa uns 15 seg/vel.6.
      Eu tenho Bimby, mas, sinceramente, esta receita é tão simples quanto bater os ingredientes numa taça com a vara de arames, pelo que me parece mais simples fazê-la sem Bimby. E é sempre menos uma coisa para lavar :)

      Experimente e diga-me como correu.

      Um beijinho

      Eliminar
  3. Muito obrigada❤️
    Domingo já vou experimentar e depois conto-lhe como correu.
    ✨😋✨
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Olá Ana,

    Experimentei a panquecas adaptadas à Bimby e ficaram maravilhosas. Cà em casa todos adoraram. Mais uma vez muito obrigada. Vou continuar a experimentar as Suas deliciosas receitas. Parabéns pelo blog.
    Beijinhos e bom domingo
    Regina

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Regi.
      Que bom! Fico mesmo muito feliz. :)

      Um beijinho e uma boa semana para si

      Eliminar

© SWEET BIGAS. All rights reserved.